Afinal, o que acontece quando não toma o pequeno-almoço?

Escrito porem 1 de Outubro, 2022

Cresceu a ouvir dizer que o pequeno-almoço é a refeição mais importante do dia. Mas será que é mesmo assim?

Os especialistas da rede de saúde CUF ajudam a entender melhor esta questão. No fundo, “saltar esta refeição é, basicamente, prolongar o jejum” que dura a noite toda, ou seja, cerca de oito horas, e pode ter consequências, como “a descida de glicose no sangue (hipoglicemia), que se manifesta através de suores frios, fraqueza, desmaio e, em situações graves, coma hipoglicémico, mas também má-disposição, impaciência e agressividade, dores de cabeça, menor rendimento intelectual e físico”, pode ler-se.

Se não costuma ter fome ao acordar, “tente habituar-se a comer, todas as manhãs, alimentos leves (e saudáveis) e em pequenas quantidades”. “À medida que as semanas forem passando, vá aumentando a quantidade gradualmente”, diz a CUF, recomendando o consumo de laticínios, cereais e derivados, fruta e um copo de água.


Opinião do Leitor

Deixe o seu comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.Os campos obrigatórios estão marcados



A Tocar na Rádio

Titulo da Musica

Artista

Programa no Ar

Tardes da Rádio

15:00 19:00

Programa no Ar

Tardes da Rádio

15:00 19:00